Coenzima Q10 (ubiquinona): O Elixir da VIDA!

Apesar de muitos médicos, no Brasil, ainda não estarem prescrevendo o uso da Coenzima Q10 em processos de Fertilização in Vitro. Algumas pesquisas no Brasil e ao redor do mundo apontam a substância como o novo Elixir da VIDA!

A Coenzima Q10, é uma substância que pertence à família das Ubiquinonas (Coenzimas Q ou mitoquinonas). As coenzimas Q estão presentes na maioria dos organismos aeróbicos, principalmente no homem onde é encontrada no coração, no fígado, nos rins, no baço e no pâncreas. Ela é uma co-fator essencial na produção de energia e desempenha um papel essencial na produção de ATP (fonte da energia celular), que é a unidade básica de energia utilizada pelo nosso corpo para manter-se funcionando adequadamente.

A sua suplementação tem atividade antioxidante (5 a 10 vezes maior que a Vitamina E), através da inibição da formação de radicais livres e da diminuição do dano potencial causado pela peroxidação dos ácidos graxos insaturados na célula. Ela promove a perda de peso (aumenta a resposta ao esforço físico), a redução da atividade inflamatória das gengivas, a proteção do músculo cardíaco (Insuficiência Cardíaca Congestiva, isquemia do Miocárdio, Redução da pressão Arterial e da Angina) e dos sistemas nervoso (doenças neurodegenerativas, enxaqueca e memória) e imunológico (prevenção de infecções causadas por vírus, bactérias e fungos), bem como previne a degeneração macular e o câncer de mama, reduz o tempo de cicatrização,melhora a função tireoidiana e ajuda no controle da diabetes.

Onde ela é encontrada? Bem, ela se concentra na mitocôndrias.

Qual sua implicação da reprodução humana? Os pesquisadores acreditam que os óvulos da mulheres mais velhas, tem uma quantidade menor de mitocôndrias, o que provocaria uma redução dos níveis de ATP e o consequente envelhecimento dos óvulos. Esta redução estaria associada ao prejuízo da divisão dos cromossomos e ao aumento das má formações fetais (Síndromes de Down, Edwards, etc) e, ainda, ao potencial de implantação dos embriões.

Uma pesquisa publicada pela ASRM (Sociedade Americana de Reprodução Humana), demonstrou que a suplementação de CoQ10 melhora o funcionamento das mitocôndrias,a maturação dos óvulos e a formação de embriões melhores e com maiores chances de implantação, aumentando assim as taxas de gravidez. Outro estudo, que seguiu esta linha, esclareceu que as pacientes com concentrações maiores de CoQ10 no fluído folicular apresentaram sim embriões de melhor qualidade e maior taxa de gestação.

 O Centro de Reprodução Humana do IPGO, apresentou na Espanha, um trabalho científico que demonstrou as vantagens do uso da CoQ10 no tratamento de mulheres inférteis mais velhas, seus benefícios positivos em relação aos óvulos e à qualidade dos embriões. NO grupo de mulheres que usou a CoQ10 foi observado um aumento nas taxas de fertlização, no número de embriões e na sua qualidade e nas taxas clínicas de gravidez.
Outros estudos ainda comprovaram que a suplementação  diária de CoQ10 em homens portadores de Astenozoospermia Idiopática decorrente de Varicocele, aumentou a motilidade e a densidade do esperma. Foi observada uma associação positiva à contagem dos espermatozoides e ao aumento do Acrossoma (100%), uma reação que ajuda a penetração do espermatozoide no óvulo e na fertilização.
E, ainda, a sua suplementação oral (da 20ª semana até o parto) ainda traz benefícios as pacientes com gravidez de risco, pois previne a pré-eclâmpsia, além é claro de reduzir a pressão arterial.
É sabido que a partir dos 30-35 anos seus níveis no corpo começam a decair naturalmente, sendo necessária a reposição diária através da reposição via oral, tendo a quantidade que ser relacionada com a idade do paciente.
Onde encontrá-la?Nos alimentos como a sardinha, a cavalinha, o salmão, o espinafre, o óleo de soja, nozes, fígado de boi e amendoins. E, através de suplementos orais, de liberação entérica e comprimidos de liberação prolongada que devem ser engolidos inteiros, sem mastigar ou triturar, acompanhados de líquido juntamente com as refeições, para diminuir a irritação gástrica. E, o mais importante sempre com a supervisão do profissional de saúde.
Onde comprá-la?A CoQ10 não é vendida em farmácias comuns, mas pode ser manipulada em farmácias especializadas, o tratamento para um mês, dependendo da dosagem (cada caso é um caso) pode ultrapassar R$300 reais e depende de receita médica específica quanto a quantidade de cápsulas e do medicamento em si, já que a substância é manipulada de 50-300mg no Brasil. Para uma quantidade maior e com um valor mais em conta, vale a pena comprar no site da Biovea, o produto chega em 13 dias úteis e, no caso da treinante 1, o tratamento para 2 meses de 600mg diárias saiu por R$220,00.
Outros benefícios da suplementação de CoQ10:
1) Ajuda a prevenir o câncer;
2) Ajuda a prevenir doenças cardíacas: reduz batimentos cardíacos irregulares, trata da prolapso da válvula mitral, reduz os sintomas da doença de Raynaud (circulação insuficiente nas extremidades), e alivia dores do tórax (angina). Um estudo clínico comprovou que as pessoas que tomaram CoQ10 3 dias após o primeiro evento, se tornaram menos propensas a terem novos ataques cardíacos e dores no peito.
3) Exerce uma função na desaceleração das alterações degenerativas relacionadas com a idade (Alzheimer ou Parkinson);
4) Trata de doenças nas gengivas e mantém as gengivas e os dentes saudáveis;
5) Pode proteger contra coágulos de sangue;
6) Coadjuvante nos tratamentos de hipertensão arterial: Aumenta a eficácia dos medicamentos de hipertensão arterial. Alguns estudos clínicos sugerem que são necessárias de 4-12 semanas de uso de CoQ10 para se verificar uma redução da pressão arterial.
7) Estabilizar os níveis do açúcar no sangue em pessoas com diabetes,  melhora o fluxo de sangue em diabéticos tomando estatinas para gerenciamento de colesterol.
8) Ajuda a regular o colesterol através da promoção de “bom” colesterol. AS pessoas que tem níveis altos de Mau colesterol tendem a ter baixos níveis de CoQ10, então fazendo a suplementação estes índices tendem a normalizar e há possibilidade de diminuição das dores musculares associadas ao tratamentos com estatinas.
9) Reduz a freqüência e a gravidade de enxaquecas.
10) Melhora a função muscular em pacientes com distrofia muscular.
11) Previne o dano oxidativo ao tecido do olho e degeneração macular.
12) Reações Alérgicas: a  CoQ10 inibe liberações de histamina e SRSA (Slow Reaction Substance Anphylaxis).
Efeitos Colaterais: náuseas, vômitos, dores de estômago, diarreia e perda de apetite. Se você tem uma reação alérgica a CoQ10, você pode desenvolver uma erupção cutânea. Além disso, os indivíduos com pressão arterial baixa pode sentir pressão perigosa cai ao tomar CoQ10 – doses divididas de CoQ10 tendem a diminuir a ocorrência de efeitos colaterais. Consulte o seu médico antes de tomar um suplemento de CoQ10.
Depoimento de 1 paciente (32 anos):
A paciente, já tendo tido um filho de gravidez natural, encontrou dificuldades em engravidar do segundo filho, sofreu 3 abortos após (gravidezes naturais) e 5 falhas implantacionais em FIV’s. Foi diagnosticada com Trombofilia Hereditária decorrente do Fator V de Leiden.
Na 5ª FIV, após a indução ovulatória, coletou 11 folículos, número que se manteve presente de 9-11 nos outros procedimentos também. Agora, para a 6ª FIV, iniciou o uso da CoQ10 no 3º dia do ciclo menstrual anterior à indução e logo na primeira eco ficou demonstrada a presença de 22 folículos, continuou a ingestão diária de CoQ10 até o dia da punção, quando coletou 30 folículos, sendo 22 maduros, 11 foram fertilizados, com a obtenção de 4 blastos. Transferiu 2 deles e congelou os outros dois, doou o restante dos folículos.
Infelizmente, não obteve sucesso gestacional devido a recente descoberta da Aloimunidade, que está sendo propriamente tratada para posterior realização de nova transferência. Não pensa em desistir!

6 pensamentos sobre “Coenzima Q10 (ubiquinona): O Elixir da VIDA!

  1. Pingback: 1 Ano de Blog…2012 passou voando… | Maternare: da Pré-Concepção à Maternidade!

  2. Olá,

    Eu tenho baixa reserva ovariana e vou fazer a FIV (fertilizacao In vitro) no início de junho. Comprei a Coenzima Q10 mas não sei quando e quanto eu devo tomar. Poderia me ajudando passando estas informações?
    Também queria saber se quando os ovulos forem coletados eu preciso parar de tomar os comprimidos.
    Abraço

    Curtir

    • Oi Sheila, o site Maternare é apenas de cunho informativo, somente o me’dico responsável pela sua FIV é apto a dizer a dosagem ideal de Coq10 para o seu caso, assim como só ele poderá dizer quando vc deve parar de usar…Os protocolos de FIV são adaptados a cada paciente.Obrigada pela visita!!!

      Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s